quinta-feira, 9 de agosto de 2018

CÃES DA GUARDA PORTUÁRIA PARTICIPAM DE APREENSÃO DE 1,2 TONELADA DE COCAÍNA

Buscas dentro do navio permitiram localizar as malas em dois contêineres , um com arroz orgânico e outro com sucata.



Câmeras de monitoramento do Porto de Santos flagraram o momento em que traficantes internacionais carregavam mais de 1,2 tonelada de cocaína para o navio Grimaldi Grande Nigéria, embarcação de bandeira italiana e que estava atracada em um terminal do Valongo, no cais santista.

A descoberta foi feita por equipes da Polícia Federal e da Receita Federal, com apoio da Guarda Portuária, na madrugada de terça-feira (7), mas os agentes não chegaram a tempo de prender os traficantes.



As imagens mostram a aproximação de um pequeno barco de alumínio no costado do navio. Nelas, é possível ver pessoas a bordo do Grimaldi Grandi Nigéria lançando cordas para o grupo que estava na pequena embarcação poder amarrar malas pretas impermeáveis =, posteriormente içadas para dentro do navio.

De acordo com as autoridades, 19 bolsas foram puxadas contendo 1.207,66 kg de cocaína. Buscas dentro do navio permitiram localizar as malas em dois contêineres, um com arroz orgânico e outro com sucata. A carga tinha como destino o Porto de Antuérpia, na Bélgica.

O navio foi retido para análise das imagens e acabou sendo liberado na noite de terça-feira (7). Investigação vai apurar quem são os integrantes do bando que içou a droga e se o episódio teve envolvimento de trabalhadores portuários de Santos ou tripulantes estrangeiros da embarcação.


Fonte: A Tribuna

quarta-feira, 18 de julho de 2018

GUARDA PORTUÁRIA PRENDE DUAS MULHERES POR FURTO QUALIFICADO NO PARÁ

A prisão aconteceu quando a proprietária da bolsa acionou a equipe da Guarda Portuária lotada no Porto de Santarém - PA, informando que sua bolsa havia sido furtada no interior da embarcação e que suspeitava de duas passageiras. 


Mateiral encontrado pela Guarda Portuária no interior da bolsa.

Duas mulheres, foram presas na noite do último domingo (15) em flagrante delito pela Guarda Portuária no interior da embarcação N/M São Bartolomeu IV, suspeitas de praticarem furto de uma bolsa contendo um aparelho celular, documentos, um cordão, dois anéis de ouro, dois pen drives e R$95,00 em dinheiro.

Foi realizada uma busca detalhada nas bagagens das suspeitas, onde, além de todos os objetos furtados, foi encontrado também, uma quantidade de munições, sendo uma caixa contendo 30 cartuchos carregados calibre 32 intactos, 01 recipiente plástico contendo 100 espoletas, 01 recipiente plástico contendo 100 gramas de pólvora (todos da marca CBC) e 01 saco plástico contendo aproximadamente 01 Kg de chumbo.

As duas foram conduzidas pela Guarda Portuária à central de flagrantes de Santarém - PA, e apresentadas à Delegada plantonista, onde foram lavrados flagrantes por furto qualificado e porte ilegal de munições. 

segunda-feira, 18 de junho de 2018

GUARDA PORTUÁRIA PARTICIPA DE APREENSÃO DE 1,5T DE COCAÍNA NA BAHIA

A operação foi executada na tarde de hoje (18) com o apoio da Polícia Civil, Receita Federal e Guarda Portuária.

A Polícia Federal apreendeu cerca de 1,5 tonelada de cocaína no Porto de Salvador – a maior quantidade da droga confiscada na Bahia. 
A droga, que estava escondida em mochilas, dentro de fardos de PVC e polietileno, foi encontrada em contêineres que seguiam para a Europa.
O entorpecente foi encontrado durante uma fiscalização de rotina da PF. Cães farejadores do Comando de Operações Especiais da Polícia Civil foram utilizados na apreensão.
Agora, a investigação segue a cargo da Delegacia de Repressão a Entorpecentes da PF, que visa identificar os responsáveis pela carga.

Fonte: Metro 1

terça-feira, 12 de junho de 2018

SISTEMA ÚNICO DE SEGURANÇA PÚBLICA É SANCIONADO

Tendo a Guarda Portuária como um dos integrantes operacionais, o presidente Michel Temer sancionou na tarde desta segunda-feira (11) o Projeto de Lei que cria o Sistema Único de Segurança Pública - SUSP.



O objetivo é que o novo sistema padronize os procedimentos no setor de segurança pública. Para isso, os órgãos que fazem parte deverão compartilhar informações e promover troca de conhecimentos técnicos e científicos. Como integrantes operacionais do SUSP estão, por exemplo, a Polícia Federal, A Polícia Rodoviária Federal, a GUARDA PORTUÁRIA, as Polícias Civis e Militares, órgãos do Sistema Penitenciário e as Guardas Municipais. 

sexta-feira, 1 de junho de 2018

ATUAÇÃO DA GUARDA PORTUÁRIA

Buscando dar mais visibilidade às atuações da Guarda Portuária em todos os Portos Públicos brasileiros, decidimos criar um espaço para concentrar os links de matérias relacionadas:




--------------

Homem é preso pela Guarda Portuária no porto de Santarém ao tentar embarcar quase 5kg de drogas para Manaus

--------------

Operação conjunta das polícias Federal, Civil, Guarda Portuária e Receita Federal, apreende 1,5 toneladas de cocaína pura no Rio

--------------

Homem é preso pela Guarda Portuária no porto de Santarém ao tentar embarcar quase 5kg de drogas para Manaus

--------------

Guarda Portuária encontra 23 malas com 552 kg de cocaína e prende dois em terminal

--------------

Guarda Portuária prende caminhoneiro que embarcou contêiner em Terminal com placa adulterada

--------------

Guarda Portuária prende dois estrangeiros no Porto de Paranaguá

--------------

Cães da Guarda Portuária são treinados para o combate ao tráfico de armas e drogas

--------------

Cães da Guarda Portuária e Polícia Militar de Santos dão mais segurança às ruas

--------------

ROCAM da Guarda Portuária prende caminhoneiro adulterando placa

--------------

Guarda Portuária encontra 350 kg de cocaína em navio atracado em Santos

--------------

Guarda Portuária evita furto de 700kg de cabo de cobre

--------------

Guarda Portuária e Polícia Federal apreendem droga no Terminal de Passageiros de Salvador
--------------

Cerca de 1,5 t de cocaína é apanhada no Porto, apreensão é a maior na história da Bahia. A operação foi realizada pela Polícia Federal, com o apoio da Polícia Civil, Receita Federal e da Guarda Portuária.
--------------





--------------

quarta-feira, 30 de maio de 2018

COMISSÃO MISTA INCLUI GUARDA PORTUÁRIA NO MINISTÉRIO DA SEGURANÇA PÚBLICA

Na última terça-feira (29) a Associação Nacional da Guarda Portuária do Brasil esteve em Brasília para participar da votação do relatório da Medida Provisória (MPV) que cria o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. O texto foi apreciado pelos parlamentares em Comissão Mista.


A ANGPB percorreu gabinetes de deputados e senadores na tentativa de fortalecer a aprovação das emendas da Guarda Portuária no texto da Medida Provisória. Trabalho este que trouxe resultados. 

O relator da matéria, senador Dário Berger (MDB-SC), acatou sugestões de mudança na MPV. Uma delas é a que inclui a subordinação da GUARDA PORTUÁRIA à nova Pasta. Como as emendas foram parcialmente acolhidas pelo relator, a MPV ganhou consenso e foi aprovada de forma simbólica pela unanimidade dos parlamentares presentes. 

Com a aprovação, compete ao Ministério da Segurança Pública exercer a política de organização e de fiscalização da Guarda Portuária. Esta que também passa a integrar a estrutura básica do novo Ministério. 

Os próximos trâmites para a MPV continuar valendo são as votações nos plenários da Câmara e do Senado. O prazo final é o dia 26/06/2018.

domingo, 7 de janeiro de 2018

A PURA REALIDADE

Diante do ocorrido no último dia 06 de janeiro/18, onde guardas portuários do Porto de Santos prenderam 2 indivíduos com 23 malas, contendo cerca de meia tonelada de cocaína, evidenciamos novamente a necessidade de se ter um órgão de segurança e policiamento ostensivo, como a Guarda Portuária, nos portos públicos brasileiros, para atendimento dos ditames da segurança nacional.


Não é de agora que sabemos do uso dos portos para o tráfico internacional de drogas e armas, afinal, como área que responde por mais de 90% das exportações, é até óbvio. Mas, nos últimos meses, tem aumentado a quantidade de apreensões deste tipo de norte a sul do país. E, mais uma vez, a Guarda Portuária realiza um ótimo trabalho, mesmo com suas limitações.

A sociedade talvez não tenha conhecimento, mas as Guardas Portuárias trabalham em condições precárias no que diz respeito a equipamento. Muitos guardas trabalham desarmados ou com portes de arma vencidos. Situação que se estende por quase todos os 37 portos públicos, sejam eles administrados pela União ou delegados aos Estados e Municípios.

A Guarda Portuária, que existe há mais de 100 anos, pede socorro para poder continuar exercendo o seu trabalho com dignidade e excelência. Não é aceitável que profissionais concursados, que trabalham diariamente combatendo o crime, estejam desarmados, sem coletes e, às vezes, até sem viaturas.